Balões de internet da Alphabet alcançam marca de 1 milhão de horas na estratosfera

Imagem retirada de https://mundoconectado.com.br/noticias/v/9872/baloes-de-internet-da-alphabet-alcancam-marca-de-1-milhao-de-horas-na-estratosfera

Os balões de internet Loon da empresa-mãe da Google, Alphabet, ultrapassaram a marca de 1 milhão de horas voando na estratosfera. Isso foi suficiente para cobrir uma distância de 24,9 milhões de milhas (40 milhões de quilômetros) em áreas de difícil cobertura de redes por cabo ou até mesmo por rádio em países como Porto Rico e Peru.

"Nossos balões navegam ao andar à deriva em correntes de vento em altitudes de 50.000 a 70.000 pés [15.000 e 21.000 metros]. Nós criamos o que essencialmente é um submarino estratosférico que usa o Sol, o ar, algumas máquinas muito legais e uma coletânea de algoritmos inteligentes. Uma bomba movida a energia solar adiciona ou subtrai ar do balão. O ar faz com que o balão fique mais pesado ou mais leve, permitindo que ele suba ou desça de altitude".

Comunicado oficial da Alphabet Loon
A marca é ainda mais impressionante quando se considera que a iniciativa deixou de ter o status de projeto há apenas um ano. Algo que foi fundamental para alcançar esse histórico nesse tempo foi a maneira como esses balões funcionam.

Ao invés de lutar contra o vento, eles se aproveitam de um sofisticado sistema de inteligência artificial para mudar sua altitude e utilizar as correntes de ar a seu favor para atingir seu destino. Isso quer dizer que eles podem andar por rotas que são longas e sinuosas, mas que não exigem gastar enormes quantidades de energia.

De acordo com o site Engadget, a Loon até encoraja seus balões a passearem por rotas mais longas para proporcionar um acesso à internet mais consistente. Ainda assim, é importante notar que os balões de internet ainda são uma tecnologia que está em seus estágios iniciais e que no momento possuem uma adoção muito limitada.

"O software de automatização faz o que os humanos não conseguem. Ele mergulha profundamente nos dados de previsão do tempo do vento para construir mapas através das mudanças de ventos estratosféricos para nossos balões. A automatização então proporciona a atenção minuto a minuto necessária para processar cada observação de cada balão para que possamos constantemente ter o melhor palpite para como seguir o mapa".

fonte: Mundo conectado